EM ASSEMBLEIA, PROFISSIONAIS DA EDUCAÇÃO DA REDE MUNICIPAL DELIBERAM A FAVOR DO CALENDÁRIO ESCOLAR DE FORMA REMOTA ATÉ A VACINAÇÃO DA POPULAÇÃO E CONTROLE DA PANDEMIA
Em Assembleia Geral Extraordinária realizada pelo Sindicato dos Professores e Profissionais da Educação da Rede Pública Municipal de Foz do Iguaçu (SINPREFI), a categoria deliberou, com 93,7% dos votos, a favor das seguintes propostas: cumprimento do calendário escolar de forma remota até a vacinação da população e controle da pandemia; solicitação judicial de EPI’s em quantidade e qualidade adequadas; redução da quantidade de horas trabalhadas presencialmente, para diminuir o perigo de infecção; solicitação da defesa da categoria pela gestão municipal e esclarecimento à comunidade em relação ao trabalho dos profissionais da educação durante a pandemia. A Assembleia foi realizada na noite de ontem (25), de maneira on-line pelo canal do SINPREFI no Youtube. Das 159 respostas ao formulário individual de votação on-line, apenas 6,3% dos votos foram contra as propostas apresentadas.
Um minuto de silêncio foi feito em memória dos seis colegas da educação que morreram vítimas da Covid-19 em Foz do Iguaçu. Na véspera da Assembleia, o SINPREFI participou de dois atos públicos em defesa: da vida, da vacinação gratuita e para todos e dos serviços públicos. No mesmo dia, tentaram reunião com o prefeito Chico Brasileiro para tratar sobre a volta às aulas presenciais, porém não obtiveram êxito.
Além disso, as dirigentes do SINPREFI atualizaram os participantes sobre outros assuntos de interesse da categoria. Um deles foi a situação atual do regime de Carga Horária Suplementar (CHS) para o ano letivo de 2021 em que o sindicato, dentre outros pedidos, solicita o cumprimento de critérios para contratação (memorando feito pela SMED). Com relação a cedência dos agentes de apoio para outras unidades de ensino, foi dito que, segundo a SMED, esses profissionais foram convidados para serem realocados e que não é uma obrigação. As diretoras do sindicato pediram para os profissionais ficarem atentos também às atualizações sobre a previdência municipal. Foi indicado também que os profissionais assistam a live realizada com a advogada Solange Machado sobre as Ações Coletivas.
A presidente do SINPREFI, Marli Maraschin de Queiroz comentou com os educadores informações relacionadas ao seguro de vida Mapfre. Ela pediu aos profissionais que confiram em seus holerites se há adesão ao seguro e compartilhou que esse seguro de vida tem cobertura para casos de morte por COVID-19 para cônjuges e dependentes.
O SINPREFI está com agenda aberta para reuniões com unidades escolares. O agendamento deve ser feito pelo WhatsApp do sindicato: (45) 99922-6097.
Pode ser uma imagem de texto que diz "Proposta: Cumprimento do calendário escolar de forma remota até a vacinação da população e controle da pandemia. Solicitar judicialmente os EPI's em quantidade e qualidade adequada. Reduzir o máximo possivel a quantidade de horas trabalhadas presencialmente, para diminuir o perigo de infecção. Solicitar que a gestão faça a defesa da categoria e oriente comunidade em relação ao trabalho dos profissionais da educação durante pandemia. 159 respostas Sim. Sou favor. Não. Não contra. 93,7%"
Imprimir

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.