A diretora de políticas sindicais do SINPREFI, Viviane Jara Benitez esteve no gabinete do deputado federal Vermelho (PSD – PR), em Foz do Iguaçu, na tarde da última sexta-feira (05). Ela abriu a reunião explicando que a iniciativa de o procurar tem relação com reunião realizada pela Fesmepar, no mês passado.

Cada representante de cidade ficou incumbido de marcar audiência com o deputado que representa seu município de atuação e entender qual o posicionamento dele em relação à Reforma da Previdência. O chefe de gabinete do deputado, Sérgio Beltrame também participou da reunião.

A diretora sindical convidou o deputado para participar de um Audiência Pública que será convocada para tratar do assunto na Câmara de Vereadores. Vermelho (PSD – PR) disse que não participará por considerar que não é seu foro de atuação e reforçou: “Se vocês realizarem audiência em Brasília, aí eu irei”.

Viviane reafirmou que é preciso debater o assunto em nível de município e que seria importante que ele estivesse presente. O deputado recomendou que a categoria o procurasse para tratar exclusivamente da aposentadoria dos professores em Brasília, como alguns seguimentos já haviam feito.

Sobre a Reforma da Previdência, Vermelho (PSD – PR) esclareceu que é favorável à reforma, mas considera que alguns pontos terão que ser alterados. “Todos terão que ceder um pouco,” de acordo com ele.

O deputado comentou que ainda não definiu o posicionamento em relação à aposentadoria dos professores, esperando os debates que virão. A diretora do SINPREFI esclareceu: “O que a gente pretende com esse movimento é evitar que o trabalhador tenha mais perdas”, afirmando que estava ali em nome dos trabalhadores em geral e não apenas dos professores da Rede Municipal de Ensino.

Segundo ela, os sindicatos do estado do Paraná, filiados à Fesmepar, são contrários à proposta de Reforma da Previdência e não aceitam que nenhum seguimento da classe trabalhadora pague pela má gestão da Previdência Social. #SINPREFI #deputadofederal #fesmepar#reformadaprevidência

Imprimir

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.